sexta-feira, 14 de setembro de 2012

ESPORTE

Esporte | Publicado em 14/09/2012 

GAÚCHO CONQUISTA SUA PRIMEIRA VITÓRIA 




O Sport Club Gaúcho conseguiu sua primeira vitória no Estadual da Segunda Divisão, ontem à tarde, no Vermelhão da Serra. Com gols de William e Da Silva a equipe passo-fundense bateu o Igrejinha pelo placar de 2x1 e agora tem cinco pontos na tabela de classificação, à frente do Atlético de Carazinho, que tem três pontos. O líder do grupo A é o Aimoré, próximo adversário do Gaúcho, que tem 16 pontos. O Igrejinha permanece na 4ª colocação, com 6 pontos e enfrenta o Atlético de Carazinho na próxima rodada, em Carazinho. Ito (lesionado), Adriano e Souza, suspensos, são os desfalques do Gaúcho para o próximo jogo, em São Leopoldo.
Ritmo forte

O Gaúcho começou atacando mais e querendo impor seu ritmo pra cima do Igrejinha, que não conseguia chegar ao ataque e apenas se defendia. A insistência da equipe passo-fundense começou a dar resultado. Aos 15 minutos, depois de boa defesa do goleiro Samuel, numa bola cabeceada para trás pela zaga, Iuri carimbou o poste esquerdo do time visitante. O Gaúcho atacava mais e jogava mais que o time do Igrejinha. A partir daí, o desejo de acertar era tanto, que os erros de passes começaram a prejudicar a equipe da casa. O atacante Da Silva quase não recebia a bola e era difícil passar pela boa zaga do Igrejinha.

William marca

Aos 25 minutos o Igrejinha teve um pênalti claro, não marcado pela arbitragem. O goleiro Souza tentou tirar a bola e derrubou o atacante. O árbitro nada marcou, num lance que teve muita reclamação de toda equipe do Igrejinha. O zagueiro Ito, do Gaúcho saiu lesionado aos 35 minutos e deu lugar ao volante Guilherme. Um minuto depois, nova reclamação de pênalti por parte do Igrejinha. Souza saiu mal outra vez e novamente atingiu o atacante. No rebote, o lateral esquerdo Guilherme mandou uma bomba, por cima do gol. Aos 37, num momento difícil para o Gaúcho, William recebeu sozinho e teve tempo de escolher o canto: 1x0.

Empate

No começo da segunda etapa, o técnico do Igrejinha, Everton Luiz, promoveu a entrada do atacante Crouch no lugar do meia Gerson. O goleiro Souza foi exigido por duas vezes, logo no início. O gol de empate veio aos sete minutos, justamente com Crouch. O Gaúcho errava muitos passes e não conseguia sair de trás. A equipe da casa não aproveitou algumas boas faltas perto da área. Aos 15 minutos, Da Silva chutou forte, de longe, mas a bola foi para fora. Aos 21 minutos, o próprio Da Silva, recebeu na meia lua e tirou do goleiro Samuel, fazendo 2x1. Em seguida, Tereza desperdiçou outra boa chance. O lance mais polêmico veio aos 41 minutos. O jogador do Igrejinha chutou, a bola passou pelo goleiro Souza e bateu na trave. Jogadores e comissão técnica do Igrejinha reclamaram que a bola teria batido no lado de dentro do gol. O juiz e o assistente nada marcaram.

Ânimo

Quase chegando ao final da partida, ambos os times começaram a cometer algumas faltas mais pesadas, o que forçou o árbitro Daniel Noronha a distribuir alguns cartões amarelos e acalmar os ânimos mais exaltados. Sob protestos do Gaúcho, Noronha ainda deu sete minutos de acréscimos, mas o placar não foi alterado. O técnico Celso Freitas afirma que a vitória passa mais confiança para os atletas seguirem em busca dos resultados positivos na competição. “A vitória dá mais ânimo, sim. Principalmente pela atuação no primeiro tempo. Não esmorecemos e conseguimos administrar até o final”. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário