quarta-feira, 27 de março de 2013

PRÓXIMO JOGO SC GAÚCHO

  
GAÚCHO X  BRASIL DE FARROUPILHA

DIA   29 DE MARÇO DE 2013

HORÁRIO :  16:00  hrs 

ESTADIO VERMELHÃO DA SERRA 

domingo, 24 de março de 2013

DESFALCADO , ALVIVERDE PERDE 

https://www.facebook.com/pages/Sport-Clube-GA%C3%9ACHO-de-Passo-Fundo-RS/152786168125012

quarta-feira, 20 de março de 2013


GAÚCHO JOGA SÁBADO EM PASSO FUNDO 


A partida será às 15h30, no Vermelhão da Serra.

Na estreia, uma derrota fora de casa. O resultado não abala o grupo de jogadores do Sport Clube Gaúcho. O bom desempenho da equipe em Santa Cruz do Sul supera o resultado. “A gente trabalhou bem, valeu pelas jogadas que criamos e o time mostrou um bom potencial”, avaliou o técnico Ricardo Atollini. 

Os atletas também assimilaram desta forma e, mesmo chateados pelo mau resultado, demonstram entusiasmo em relação à equipe. 

Treinamentos
Agora o foco no Gaúcho é o São Paulo de Rio Grande, adversário do próximo sábado. A partida será às 15h30, no Vermelhão da Serra. 

Ontem, no campo da Educação Física da UPF, o elenco participou de treinamento técnico. Hoje e sexta-feira deverá trabalhar no Vermelhão da Serra, adaptando-se para a partida de sábado.

Danilo Conceição e Alécio, lesionados no jogo diante do Avenida, estão em tratamento e hoje já estarão à disposição do técnico.
Créditos: LC Schneider/ON

domingo, 17 de março de 2013

QUEM FOI QUE DISSE QUE O TEMPO NÃO PARA?


Não conhece o relógio........

Com gol aos 51  minutos  , Avenida vence o Gaúcho  na abertura da Divisão de Acesso 




Assim foi a vitória  2x1 neste  Sábado  com gol aos  51 minutos 

quinta-feira, 14 de março de 2013

VOLTANDO PARA CASA III


Publicada em: 14/03/2013 - 16:13 , por Luiz Carlos Schneider/Jornal O Nacional 

Adilson está de volta ao Gaúcho

O técnico Ricardo Atollini conhece bem o jogador que, em ritmo de jogo, poderá ser aproveitado na estreia, sábado, diante do Avenida




O Sport Clube Gaúcho apresentou mais um reforço para a temporada 2013. É o meia-atacante Adilson, revelado pelo próprio clube passo-fundense. Adilson Ramos Barreto está com 27 anos e do Gaúcho foi para as categorias de base do Internacional de Porto Alegre. Teve passagem pelo Passo Fundo, Portuguesa Santista, Inter de Limeira, São José, São Luiz de Ijuí, Santa Cruz, União Frederiquense e Canoas, seu último vínculo.

Adilson está de volta a Passo Fundo, sua terra natal. Feliz pelo retorno, lembrou o início no futebol quando, em 2003 e 2004, vestiu a camisa do Gaúcho. Conhecido da comissão técnica e do grupo de atletas, ele está à vontade no ninho Periquito.

Gaúcho e família
Adilson está de volta a Passo Fundo, onde reside. Casado, está feliz por ficar junto à filha Lavínia, que tem um ano de idade. “Tinha outras propostas, mas o interesse maior era mesmo o Gaúcho e voltar a Passo Fundo”, disse ontem, ao ser apresentado. 

“A minha vontade principal é encarar esse projeto. Estou voltando com carinho para o Gaúcho”. O jogador está afinado com o clube. “O Gilmar (Rosso) abriu as portas e nada mais justo do que vestir a camisa do Gaúcho, o clube que me projetou”, disse Adilson com convicção, lembrando o apoio que teve no clube.

Pronto para jogar
Tudo indica que Adilson deve iniciar a partida de estreia, sábado, com o Avenida. Afirmou que está e condições de atuar, pois vinha treinando normalmente no Canoas. Se depender do técnico Ricardo Atollini e do preparador físico Marco Aurélio, ele vai jogar.

Ricardo entende que ele se encaixa perfeitamente na equipe e poderá jogar, projetando que atuará por 50 a 70 minutos. Marco Aurélio entende que ele pode jogar, pois vinha trabalhando e parou por apenas quatro dias. “O Adilson tem uma movimentação boa e está em ritmo de competição”, explicou.
Então, agora, resta apenas confirmar o registro do atleta na CBF. Para isso o gerente de futebol Régis cuida da documentação do atleta, cujo nome poderá aparecer no BID (Boletim Informativo Diário) desta sexta-feira.

Mais qualidade 
Na visão do técnico Ricardo Atollini, o novo reforço representa um importante acréscimo. “Conheço bem, trabalhou comigo em duas oportunidades. Com certeza ele dará um ganho de qualidade à equipe, com experiência. Atollini lembra que Adilson quase parou de jogar, mas como a família é daqui, está de volta”. Sua contratação também teve boa repercussão no elenco, pois “a aceitação dele no grupo é maravilhosa”.

O técnico entende que com Adilson, Danilo Conceição, Polidoro e Sandro Sotilli o Gaúcho está muito bem servido. “É uma avaliação prematura, mas do meio para frente, poucos times contam com o que temos com esses quatro”. Classifica Adilson um jogador que “dá ritmo ao time, tem velocidade, agilidade e finaliza muito bem”.

Reforço do exterior
O presidente do Gaúcho, Gilmar Rosso, sabe que mais reforços são necessários para enfrentar a Série A-2 do campeonato gaúcho. Ontem no Carolina’s Café, que vem sendo a sede social provisória do Gaúcho, Gilmar recebeu uma ligação de Alberi Falkembach Ribeiro e depois ligou para Dárcio Viera Marques, dois conselheiros que colaboram na área jurídica.
“Vem mais um meia e um zagueiro”, informou. Não fala em nomes, mas o volante Fábio da Silva, que atua na Croácia, estaria em negociação. Gilmar informou apenas que, além desses, outros serão contratados com a janela ao final do Gauchão.

A estreia
O Sport Clube Gaúcho estreia na divisão de acesso, agora Série A-2 do Campeonato Gaúcho, no próximo sábado diante do Avenida em Santa Cruz do Sul. A partida teve horário alterado para às 18 horas. 

Série A2 inicia com jogo do Alviverde

SC Gaúcho entra em campo no sábado, quando visita o Avenida em Santa Cruz do Sul.

redacao@diariodamanha.net

Caberá ao Sport Club Gaúcho dar o chute inicial da Série A2. No próximo sábado, dia 16, o Alviverde vai até Santa Cruz do Sul encarar o Avenida, no Estádio dos Eucaliptos, no jogo inaugural da competição. Ao final do campeonato, os três melhores garantem vaga na Série A do Gauchão. 
Em contrapartida, os três piores caem para a Segundona. Acompanhe um resumo da divisão dos grupos em que estão os 16 times participantes, a fórmula e o calendário de partidas do SC Gaúcho na fase classificatória do 1º turno.

Os grupos

O grupo A : 
Aimoré, Avenida, Farroupilha (Pelotas), Riograndense (Santa Maria), Brasil (Farroupilha), São Paulo (Rio Grande), Panambi e Santo Ângelo.

O grupo B :
SC Gaúcho, Ypiranga (Erechim), Brasil (Pelotas), Internacional (Santa Maria), Riopardense, Guarany (Camaquã), Glória e União Frederiquense.

Fórmula
A Série A2 será disputada em dois turnos, com fórmula que lembra ao da Série A. No 1º turno, os jogos serão de ida, onde cada time enfrenta os adversários do outro grupo. Os dois melhores de cada grupo passam para a segunda fase, disputada numa semifinal. O campeão estará na final da Série A2.

No 2º turno, os jogos serão dentro do próprio grupo. Ao final da fase classificatória, os quatro melhores de cada grupo se enfrentam em jogos eliminatórios de ida e volta (1º x 4º e 2º x 3º), apontando os quatro semifinalistas. O campeão do 2º turno também garantirá vaga na final da A2.

Os dois finalistas estarão classificados para a Série A. a 3ª vaga deve ser ocupada pelo ganhador de um confronto (ida e volta) entre os vice-campeões de cada turno. Levando em conta a pontuação geral, os três times de pior campanha caem para a 

Jogos do SC Gaúcho – 1º turno – fase classificatória

Dia  16/03 Sábado 18:00 h
Avenida x SC Gaúcho

23/03  Sábado  15h30
SC Gaúcho x São Paulo
Vermelhão da Serra

30/03  Sábado 15h30
SC Gaúcho x Brasil-Fa
Vermelhão da Serra

07/04 Domingo 15h30
Panambi x SC Gaúcho
João Marimon Jr

13/04  Sábado 15h30
SC Gaúcho x Santo Ângelo
Vermelhão da Serra

21/04  Domingo  15h30
Riograndense-SM x SC Gaúcho
Eucaliptos

28/04 Domingo 15h30
Farroupilha-Pe x SC Gaúcho
Nicolau Fico

04/05 Domingo 15h30
SC Gaúcho x Aimoré
Vermelhão da  Serra


(Técnico Ricardo Attolini está preparando a equipe para a estreia de sábado / FOTO KLEITON VASCONCELLOS)

quarta-feira, 13 de março de 2013

Jogos do SC Gaúcho

Data
Dia
Hora
Jogo
Estádio


16/03
Sábado
15h30
Avenida x SC Gaúcho
Eucaliptos


23/03
Sábado
15h30
SC Gaúcho x São Paulo
Vermelhão 
da Serra

30/03
Sábado
15h30
SC Gaúcho x Brasil-Fa
Vermelhão  da Serra

07/04
Domingo
15h30
Panambi x SC Gaúcho
João Marimon 
13/04
Sábado
15h30
SC Gaúcho x Santo Ângelo
Vermelhão da Serra

21/04
Domingo
15h30
Riograndense-SM x SC Gaúcho
Eucaliptos
28/04
Domingo
15h30
Farroupilha-Pe x SC Gaúcho
Nicolau Fico
04/05
Domingo
15h30
SC Gaúcho x Aimoré
Vermelhão  da Serra

segunda-feira, 11 de março de 2013

S.C. GAÚCHO E UPF

Pesquisando e evoluindo

Parceria da UPF com o Sport Clube Gaúcho aplica métodos inéditos e já obtém resultados surpreendentes.

Jornal  O Nacional 
Créditos: LC Schneider/

ON






Pesquisando e evoluindo
Cleiton Bona e Nelson Tagliari, pesquisadores da UPF











O esporte também é um elo da Universidade de Passo Fundo com a comunidade. A pesquisa e a extensão entram em campo, qualificando e ampliando o condicionamento para alegria do futebol. A parceria da UPF com o Sport Clube Gaúcho já está colhendo bons frutos, em proveitoso resultado de um trabalho científico.

É uma parceria em sentido duplo, com retorno positivo para os dois lados. De um está o grupo de jogadores, transformado em elenco-laboratório para os pesquisadores da UPF. Do outro estão os pesquisadores e a estrutura da Faculdade de Educação Física e Fisioterapia à disposição dos atletas. Mais do que uma simples troca de benefícios, é um importante intercâmbio do conhecimento.

Campo e laboratórios

No espaço da Faculdade de Educação Física, no campus da UPF, as camisas verdes facilitam a identificação dos atletas e da comissão técnica do Gaúcho. O ninho do Periquito não se limita ao campo de futebol. O verde desfila pelas calçadas e alamedas que ligam os prédios. É um time de futebol taticamente distribuído entre a academia, laboratórios, quadras e gramados.

Pouquíssimas equipes de futebol no mundo contam com o acompanhamento dado ao Gaúcho. “Acho que o Grêmio e o Inter não têm isso”, diz o experiente jogador Sandro Sotilli. A avaliação do goleador é correta, pois, mesmo com excelentes estruturas, os grandes clubes ainda não contam com o acompanhamento científico que o Gaúcho recebe na UPF.

Evitando lesões

Os professores Cleiton Chiamonti Bona e Nelson João Tagliari estão diretamente ligados à parceria da UPF com o Gaúcho. Os pesquisadores fazem doutorado em Portugal e já aplicam inovadoras técnicas europeias, conhecidas apenas na Espanha e Suécia.
Nos laboratórios da UPF, os jogadores já passaram por exames isocinético, cineantropométrico e dinamometria de pressão. Na sequência passarão pelo teste do cometa para leitura do DNA e teste de logometria, bastante aplicado em Portugal. Palavras complicadas, exames simples e resultados importantes.

As avaliações da força muscular resultaram em trabalhos específicos na academia. “Buscamos equilibrar as diferença detectadas, assim melhora o desempenho e estamos evitando lesões que poderiam surgir,” explica Nelson Tagliari.

Treinamento invisível

Nesse mundo científico, nada é empírico e não escapam detalhes como a temperatura ambiente. Nesse rigor é medido o consumo de oxigênio máximo do atleta ou é feita a cineantropometria, que define a composição corporal do sujeito: gordura, massa muscular e óssea.
As diferenças detectadas nos exames serão corrigidas. “Temos que nivelar para chegar aos percentuais ideais”. Para cumprir essa missão, Nelson aposta em métodos complementares aos tradicionais. Então, entra em cena a nutricionista que determina o comportamento alimentar dos atletas. “A nutrição e o descanso são um treinamento invisível, com resultados fantásticos”, diz para explicar a importância de dormir bem. Ele acredita que trabalho semelhante seria aplicado apenas em clubes como o Bayern e o Barcelona.

Busca pelo conhecimento
A UPF é referencial em muitas áreas. Prova disso é que na quinta-feira os atletas do América de Tapera, que disputa a Série Prata do futsal, foram avaliados pela equipe do professor Cleiton Bona. O capitão do time, Márcio Brum, é egresso da UPF e conhece bem a estrutura.
Na academia a primeira etapa do trabalho com o Gaúcho está na reta final, de acordo com Tagliari. “Trabalhamos a força de uma maneira geral, com atenção para equilibrar as diferenças apontadas pelos exames”. Depois o preparador Marco Aurélio faz o trabalho específico.
As primeiras avaliações detectaram desequilíbrios que estão sendo sanados. Assim os atletas melhoram seu desempenho e diminuem o risco de lesões. Outros trabalhos já estão em curso.

Testes revolucionários ainda serão aplicados, em atividade inédita no futebol. Mais uma conquista na história do Gaúcho. Mais um trabalho científico da Universidade de Passo Fundo. Não é apenas para o Gaúcho. É a busca insaciável do conhecimento. E, assim, estamos evoluindo.

É de primeiro mundo

Maior goleador do Gauchão, o experiente Sandro Sotilli carrega uma invejável bagagem no futebol. Ídolo nos gramados gaúchos, também balançou a rede no México e na China. Os exames da UPF detectaram em Sotilli um desequilíbrio muscular que já foi sanado.

“Um trabalho que tem um diferencial, é coisa simples e o resultado muito bom”, avaliou. “Em duas semanas estou me sentindo melhor, com mais força. Toda essa parte científica é uma estrutura de primeiro mundo”.
Sandro Sotilli: ciência e resultado.

sábado, 9 de março de 2013


Gaúcho joga domingo em Frederico Westphalen

A partida está programada para as 16 horas, no Estádio Vermelhão da Colina

Créditos: Luiz Carlos Schneider/ON
Gaúcho joga domingo em Frederico Westphalen
Musculação: resultados satisfatórios
Uma semana antes da estreia na Série A-2 do Campeonato Gaúcho, o Sport Clube Gaúcho fará uma partida amistosa. Será no próximo domingo diante do União Frederiquense. A partida está programada para as 16 horas, no Estádio Vermelhão da Colina, em Frederico Westphalen.

Na quarta-feira, jogando em Marau, o Gaúcho realizou um jogo-treino quando goleou um selecionado local. A atividade serviu para que o técnico Ricardo Atollini observar a equipe e fazer uma leitura inicial de sua formatação. Em trabalho anterior, o Gaúcho empatou com uma equipe de Sarandi. Porém, na prática, a partida amistosa de domingo é encarada como o primeiro teste forte para a equipe. O União Frederiquense também prepara sua equipe para o campeonato.

Muito trabalho
Os jogadores do Gaúcho tem uma semana com intensa movimentação. Além do jogo-treino e do amistoso, os treinamentos e as atividades físicas tiveram uma considerável carga de trabalho.  As atividades estão centralizadas na área da Faculdade de Educação Física da UPF.

Além dos tradicionais exercícios físicos, trabalhos técnicos e ensaios táticos, o grupo trabalha na academia. As atividades de musculação contam com acompanhamento especial dos pesquisadores da UPF. De acordo com o preparador físico Marco Aurélio, muitos jogadores já apresentam resultados satisfatórios. Hoje a direção do Gaúcho deve apresentar um ou jogadores que reforçarão o seu elenco para a temporada.

quarta-feira, 6 de março de 2013


Publicada em: 06/03/2013 - 13:58 , por Luiz Carlos Schneider/ON
A A A

Gaúcho faz jogo-treino em Marau

Será em um jogo-treino diante de uma seleção amadora da cidade, às 18 horas, no Estádio Carlos Renato Bebber.

Créditos: LC Schneider/ON
Gaúcho faz jogo-treino em Marau


















O Sport Clube Gaúcho realiza os últimos ensaios antes do campeonato. É uma semana com muito trabalho, que tem musculação, trabalhos técnicos, ensaios táticos, jogo-treino e um amistoso. São os preparativos do Gaúcho de passo Fundo, que fará o jogo de abertura da Série A-2 do Campeonato Gaúcho, dia 16, com o Avenida em Santa Cruz do Sul.
Nesta quarta-feira a delegação do Alviverde irá a Marau para fazer um ensaio mais apurado. Será em um jogo-treino diante de uma seleção amadora da cidade, às 18 horas, no Estádio Carlos Renato Bebber.

Equipe base
O Passo Fundo trabalha na área da Faculdade de Educação Física da UPF, em importante parceria com a instituição. O grupo é formado por jogadores do elenco de 2012 reforçado por contratações e mais os selecionados no peneirão.

O técnico do gaúcho, Ricardo Atollini, já tem a equipe para a estreia encaminhada. Não poderá contar com o volante Guilherme, que cumprirá suspensão na primeira partida. No jogo-treino de hoje o gaúcho começará com Daniel; Ivan, Marcelo, Gamarra e Vagno; Alécio, Marcelo, Polidoro e Danilo Conceição; Sandro Sotilli e Léo. No decorrer da partida ele também testará outros jogadores.


Jogo amistoso
Ontem, no campo da UPF, Atollini comandou um trabalho tático, com ênfase ao posicionamento da defesa. Ricardo entende que o grupo teve uma boa evolução. “É uma evolução gradativa e na parte física a resposta do grupo foi muito boa e, em cima disso, vamos trabalhar até o final da pré-temporada”.

Ainda hoje, o grupo de atletas do Gaúcho deve receber o reforço de mais um ou dois atletas. Mesmo sem a direção oficializar essas contratações, a comissão técnica já pensa em contra com no mínimo um desses reforços no jogo amistoso do próximo domingo. O teste será no Vermelhão da Colina, em Frederico Westphalen, diante do União Frederiquense.

terça-feira, 5 de março de 2013

Gaúcho jogará em Marau


Publicada em: 05/03/2013 - 09:00

Gaúcho jogará em Marau e Frederico Westphalen

Serão realizados um jogo-treino e um amistoso

Jornal O Nacional Gaúcho jogará em Marau e Frederico Westphalen
Gaúcho treina em dois turnos














O elenco do Sport Clube Gaúcho está na fase final dos preparativos para a abertura da Série A-2 do Campeonato Gaúcho, no próximo dia 16, sábado, com o Avenida em Santa Cruz do Sul. As atividade do Gaúcho estão centralizadas na Universidade de Passo Fundo, com treinamentos no campo da Faculdade de Educação Física.

Ontem os jogadores estiveram na academia da UPF e fizeram trabalhos específicos de musculação, com orientação dos professores e pesquisadores Nelson Tagliari e Felipe Porto. Na parte da tarde o preparador Marco Aurélio comandou as atividades físicas, com ênfase à velocidade. Também ontem à tarde, o treinador Ricardo Atollini aplicou um trabalho técnico, o que deverá repeti, hoje, em dois turnos.

Testes
Para observar e ajustar a equipe, o Gaúcho fará dois testes esta semana. Ontem o presidente do clube, Gilmar Rosso, confirmou que o Gaúcho fará um jogo-treino e um amistoso. O jogo-treino será amanhã, às 18 horas, no Estádio Carlos Renato Bebber, em Marau, diante de um combinado local.

Para domingo está definido um jogo amistoso. Será no Vermelhão da Colina, em Frederico Whestphalen, diante do União Frederiquense.

Chegando
Além do grupo atual, composto por remanescentes da campanha do ano passado e novas contratações, mais atletas estão chegando. Esta semana deve ser apresentado no mínimo um de dois reforços iniciais, com previsão de outra contratação na próxima semana. Além desses três, outros devem ser agregados ao elenco após o Gauchão.

sábado, 2 de março de 2013

SEMPRE GAÚCHO


Publicada em: 01/03/2013 - 08:20 , por Luiz Carlos Schneider/ON
A A A

O sempre Gaúcho de Passo Fundo

Muito trabalho e a expectativa de bom campeonato dão o tom na preparação e formação da equipe do Sport Clube Gaúcho

Créditos: Luiz Carlos Schneider/ Jornal O Nacional 
O sempre Gaúcho de Passo Fundo
















Voltando, chegando, reiniciando ou continuando, não importa. É sempre o Gaúcho de Passo Fundo. É o Sport Clube Gaúcho que fará o jogo de abertura da Série A-2 do Campeonato Gaúcho, com o Avenida. Será em 16 de março, sábado, em Santa Cruz do Sul, no Estádio dos Eucaliptos. Marca a volta do Gaúcho de Passo Fundo à antiga divisão de acesso, tentando uma vaga na divisão especial.

A equipe para a estreia já está encaminhada. Os preparativos são intensos, na área da Faculdade de Educação Física da UPF. O grupo de atletas é formado por jogadores que participaram da conquista do ano passado, acrescido por contratações e selecionados no peneirão. É uma mescla da juventude com a experiência, no grupo que tem jovens vindos da categoria de base trabalhando ao lado do consagrado goleador Sandro Sotilli.

Elenco-laboratório

A parceria do Gaúcho com a UPF é de proveito mútuo. A UPF transformou o elenco do Gaúcho em um laboratório de pesquisas, enquanto disponibiliza seus laboratórios para o elenco. Na quarta-feira o grupo trabalhou pela manhã na academia, com orientação dos professores Nelson e Felipe. À tarde tiveram trabalho técnico com o treinador Ricardo Atollini. Ontem pela manhã o preparador físico Marco Aurélio comandos exercícios de velocidade e potência, dando folga ao elenco no turno da tarde.

Nesta sexta-feira os trabalhos serão em dois turnos. Na parte da manhã estarão na musculação, à disposição do pesquisador da UPF Nelson Tagliari. À tarde Atollini orienta os trabalhos com bola.

Qualidade e reposição

“Interessante e dá para tirar muito”, assim Ricardo Atollini define o grupo de jogadores do Gaúcho. “Conheço bem o perfil de cada um e sei que teremos uma equipe bastante competitiva e rápida” Ele vê muita qualidade técnica nos jogadores que chegaram.

Mesmo com um perfil definido, ainda faltam elementos para a equipe na visão de Atollini. Então, devem desembarcar mais três reforços para a fase inicial do campeonato. E, depois, com o final do Gauchão, mais três jogadores poderão migrar para o Gaúcho. Um dele é Fininho, atualmente no Veranópolis. “Necessitamos de algumas peças a mais, não apenas por questão de qualidade a mais, mas para que tenhamos mais tranquilidade na reposição durante a competição”, explica o técnico.

Time e adversários

O time não está definido, mas está delineado. Daniel; Ivan, Marcelo, Gamarra e Vagno; Alécio, Guilherme, Polidoro e Danilo Conceição; Sandro Sotilli e Léo. Pelo menos esta deverá ser a formação no próximo amistoso no final de semana. O adversário deve ser uma equipe amadora da região.

Ricardo Atollini conhece bem os adversários e sabe que este ano a competição será difícil. Cita como fortes adversários o Brasil de Pelotas, Ypiranga de Erechim, Avenida de Santa Cruz, este pela tradição, Rio-grandense de Santa Maria, Frederiquense, Aimoré e São Paulo de Rio Grande.

O técnico vem trabalhando no esquema 4-4-2, mas também testa o 3-5-2 e ainda o 3-6-1. “Estamos treinando e trabalhando os esquemas. Dentro e fora de casa vamos atacar sempre, mas ao mesmo tempo com uma postura defensiva muito boa”. Aos poucos Ricardo vai encaixando as peças “para que todos possam render o melhor possível”. E parece que as peças estão se encaixando, pois o técnico afirma convicto que “a expectativa é muito boa”. O bom astral, idem.