quinta-feira, 6 de outubro de 2011

HOMENAGEM A ESCURINHO



Escurinho e seu inseparável violão
Foto: Banco de Dados

Luiz Carlos Machado nasceu em 18 de janeiro de 1950 na Santa Casa de Porto Alegre, primeiro filho de Luiz Raimundo Machado e Irondina Guedes Machado. Mas só ganhou o apelido de Escurinho aos sete anos de idade, então morando perto da Ilhota, onde se criou e ganhou personalidade. A vila, zona boêmia na Cidade Baixa, era conhecida pelo convívio entre futebol, samba e carnaval.

Pois assim cresceu Escurinho, entre futebol, samba e carnaval, a síntese do brasileiro.

> Cronologia da história de Escurinho:
— 8 de janeiro de 1950 - nasce em Porto Alegre: aos sete anos, vai morar próximo à Ilhota e recebe o apelido.
— 1962 - descoberto pelo técnico Jofre Funchal e entra nos mirins do Inter aos 12 anos
— 1959 - aos nove anos, participa da criação da escola Imperadores do Samba
— 1966 - já nos infantis do Inter, Escurinho se apresenta como calouro no programa de auditório do Vovô Guerra, aos 16 anos: canta uma canção de sua autoria
— 1968 - Aos 18 anos, Escurinho chega ao juvenil (hoje juniores) do Inter sob o comando do técnico Abílio dos Reis. Com ele estão Paulo César Carpegiani e Cláudio Duarte, dois nomes básicos do time dos anos 70.
—1969 - Aos 19 anos, Escurinho é goleador do juvenil campeão invicto do Inter, considerado um dos maiores times de categorias de base de todos os tempos do futebol gaúcho.
— 1970 - passa aos profissionais do Inter com Paulo César Carpegiani e Cláudio Duarte: é bicampeão gaúcho
— 1971 - é emprestado ao Gaúcho, de Passo Fundo

Nenhum comentário:

Postar um comentário