sábado, 21 de dezembro de 2013

Para SEMPRE!!!!

Jornal O Nacional  
A HORA DO ADEUS 

Sábado, às 17 horas, tem o jogo de despedida no Estádio Wolmar Salton

Chegou a hora de dizer adeus ao Estádio Wolmar Salton. Neste sábado, às 17 horas, o Sport Clube Gaúcho promove um jogo de despedida ao velho estádio. No momento em que iniciam as obras da Arena Wolmar Salton, chegou a oportunidade para a despedida da histórica praça esportiva. De acordo com o professor Beto França, um dos organizadores do encontro, o jogo é aberto à participação de ex-atletas de todas as categorias, dirigentes e torcedores do Gaúcho. Dentre os nomes confirmados estão Adair Bicca, Sérgio Pontes, Meca, Carmo, Joubert, Jair, Mário Tito, Serjão, Marco Aurélio, Gerson Lopes, Roberto Ciapparini e o prefeito Luciano Azevedo.

História em ruínas

A antiga casa do Sport Clube Gaúcho, praticamente não existe mais. A área foi vendida ao Hospital São Vicente de Paulo, mas ainda estão lá o campo, as goleiras, parte das arquibancadas e o pavilhão social. O restante das instalações praticamente não existe mais. Ainda há, na prática, ruínas dos vestiários e de algumas paredes. Imagens tristes e deploráveis para um local que abrigou a alegria do futebol. Ontem, o pessoal do Associação dos Funcionários do HSVP preparou o local. Passaram roçadeiras sobre o gramado e pintaram as divisórias do campo. Inaugurado em 1957, o Estádio Wolmar Salton faz parte da história do futebol brasileiro. O respeitável time do Gaúcho impunha respeito em seu gramado. Era um desafio para as outras equipes, especialmente para a dupla Gre-Nal, jogar no Wolmar Salton. Um campo próximo à torcida, com o alambrado tapado por fanáticos torcedores. Um cenário perfeito para grandes jogadas, gols incríveis e fatos pitorescos. Um cenário que recebe o adeus de atletas e torcedores neste sábado.

Créditos: LC Schneider/ON

Nenhum comentário:

Postar um comentário